Sexta, 15 de Janeiro de 2021 18:31
(37) 98812-8974
Polícia Rubim/MG

Mulher mata criança que vendia pastéis após discussão por R$ 1 em MG

A criança chegou a ser levada para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

07/01/2021 18h02
Por: Cidade Notícia Fonte: BHAZ
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um menino de 12 anos que vendia pastéis foi morto a facadas por causa de um desentendimento motivado por R$ 1, na cidade de Rubim, no Vale do Jequitinhonha, nessa quarta-feira (6). A criança vendeu os salgados aos filho da autora, uma mulher de 39 anos, antes da discussão.

De acordo com o registro da Polícia Militar, Kaíke Júnior Moreira da Silva passou na casa da mulher vendendo pastéis, e os dois filhos dela compraram o salgado. Depois de receber o pagamento, o menino percebeu que faltava R$ 1 e cobrou o dinheiro das crianças.

Segundo depoimento da autora, Kaíke teria discutido e “avançado para cima” dos filhos dela, antes de virar de costas para deixar o local. A mulher, então, pegou uma faca e desferiu golpes nas costas da criança. O menino teria chegado a pedir ajuda para pessoas que estavam ao redor, e a autora se trancou em casa.

Uma testemunha viu Kaíke caído ao chão, sendo ajudado por um vizinho que mora na região, e uma viatura da Polícia Militar logo chegou ao local. A criança chegou a ser levada ao hospital Deraldo Guimarães, na cidade de Almenara, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

A PM conversou com a mulher, que estava trancada em casa, e a convenceu a se entregar. Na janela da residência, foram encontradas e apreendidas cinco facas. A autora foi presa em flagrante e levada à Delegacia de Polícia Civil de Almenara. O corpo de Kaíke Júnior foi levado ao IML (Instituto Médico-Legal) de Almenara.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias