Patos de Minas

Homem é perseguido e assassinado com vários tiros dentro do carro

A perícia contou oito disparos de uma arma tipo pistola. Carlos foi atingido por pelo menos quatro tiros.

06/02/2020 13h23
Por: Expresso Notícia
Fonte: Patos Hoje
Foto: Patos Hoje
Foto: Patos Hoje

Um homem, de 29 anos, foi perseguido e assassinado a tiros na manhã desta quinta-feira (6), em Patos de Minas/MG. Ele saiu de casa na região do bairro Jardim Esperança por volta das 6h20 para trabalhar em Presidente Olegário/MG e foi perseguido até próximo à avenida Marabá. Três dos quatro pneus do carro estavam perfurados. Os vidros foram quebrados a bala.

A Polícia Militar foi acionada e quando chegou ao local encontrou apenas o carro atravessado no meio da via com o motorista alvejado pelos disparos e já sem vida. A vítima foi identifica como Carlos Roberto Rocha Filho, de 29 anos. A perícia contou oito disparos de uma arma tipo pistola. Carlos foi atingido por pelo menos quatro tiros.

Segundo a Polícia Militar, Carlos foi perseguido por pelo menos 200 metros. Cápsulas foram recolhidas ao longo do caminho. A suspeita é de que duas pessoas tenham participado do crime e usaram uma motocicleta para perseguir a vítima. Carlos estava em um GM Kadett e ainda tentou fugir, mas não conseguiu se livrar dos assassinos. 

Carlos é da cidade de Presidente Olegário. Segundo familiares, ele havia sofrido duas tentativas de homicídio nos últimos tempos e então decidiu se mudar para Patos de Minas. Na última tentativa de homicídio sofrida por ele, a casa foi alvejada por 10 disparos. Carlos estava morando em Patos de Minas há cerca de três semanas com a esposa e o filho pequeno de apenas dois anos.

A Polícia Militar segue fazendo rastreamentos na tentativa de identificar e prender os autores. Ainda segundo a polícia ele tem uma ficha extensa no mundo do crime. Já existem suspeitas e a hipótese mais provável é de que o crime esteja relacionado com outros homicídios registrados na cidade de Presidente Olegário. A Polícia Civil também já abriu as investigações.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.