Sul de Minas

Mulher pula de ônibus em chamas, é atropelada pelo veículo e morre

O veículo transportava trabalhadores rurais de uma fazenda e estava com a documentação atrasada.

27/11/2019 16h34Atualizado há 2 semanas
Por: Expresso Notícia
Fonte: BHAZ
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Uma mulher de 51 anos morreu após pular de um ônibus que pegou fogo, nessa segunda-feira (25), em uma estrada rural entre Cordislândia e Elói Mendes, no Sul de Minas. O veículo transportava trabalhadores rurais de uma fazenda e estava com a documentação atrasada. Além da vítima, a mulher do motorista também ficou gravemente ferida.

Segundo a PM (Polícia Militar), o motorista contou que fazia o transporte de funcionários dentro de uma fazenda e em um dado momento percebeu que o veículo começou a pegar fogo no interior da cabine. Logos após, as chamas teriam atingido o pedal, o câmbio e o acelerador. Diante disso, os passageiros entraram em pânico e começaram a sair do veículo em movimento pela porta dianteira que estava aberta.

No momento, a vítima identificada como Luciene Barbosa Agostinho teria caído embaixo do ônibus, sendo atingida por uma das rodas traseiras. Em seguida, a segunda vítima, esposa do motorista, teria tentado ajudar Luciene, mas se desequilibrou e ficou prensada entre o ônibus e um barranco.

Com lesões graves na coluna e na cabeça, a mulher do motorista foi socorrida e transferida ao Hospital Regional em Varginha. O condutor também apresentou leves escoriações e foi encaminhado para o mesmo local. Já Luciene chegou a ser socorrida, mas morreu ainda no local. O corpo dela foi levado ao Instituto Médico Legal de Pouso Alegre.

A polícia informou que, apesar dos relatos de fogo na cabine, não foram identificadas marcas de incêndio no local. A documentação do veículo estava atrasada. No entanto, como o guincho credenciado não estava disponível, o ônibus foi liberado ao dono da fazenda, mas deve passar por perícia. A carteira de habilitação do motorista estava em situação regular.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.